Saiba quando fazer o teste de anticorpos neutralizantes para coronavírus

Teste de Anticorpos Neutralizantes para COVID-19

 

O teste de anticorpos neutralizantes para Coronavírus é um teste de sorologia recomendado para analisar a presença e a quantidade de anticorpos capazes de inibir a replicação viral do SARS-CoV nas células, evitando, assim, o adoecimento.

No Bronstein você pode realizar seu exame com rapidez, facilidade e confiabilidade.

O que é o teste de anticorpos neutralizantes?

Os anticorpos neutralizantes são anticorpos responsáveis por neutralizar a ação do vírus e, consequentemente, inibir a replicação viral e o adoecimento por Coronavírus.

O exame serve para qualificar a resposta imune humoral, avaliando a capacidade dos anticorpos de bloquear a ligação da proteína da espícula viral (“Spike”) ao receptor nas células humanas, a proteína ACE2. 

Como o exame é realizado?

Para realizar o teste para COVID-19, é coletada uma amostra de sangue e enviada para laboratório, onde é utilizado o método ELISA (ensaio imuno-enzimático). O reagente usado é capaz de imitar a estrutura do receptor do vírus utilizado para entrar na célula humana. Assim é possível identificar a presença dos anticorpos capazes de neutralizar este receptor.

Há dois tipos de resultados possíveis:

  • < 20%: sem atividade de neutralização;

  • >=20%: indicativo da presença de anticorpos neutralizantes.

Para quem é recomendado o teste de anticorpos neutralizantes?

A produção dos anticorpos neutralizantes pode ocorrer tanto após infecção natural pelo SARS-CoV-2 quanto após a vacinação contra COVID-19.

Diferente do RT-PCR, que identifica infecção ativa, o teste de anticorpos neutralizantes é recomendado para todas as pessoas que já foram diagnosticadas com COVID-19, para aqueles que suspeitam ter tido contato com o vírus após 14 dias e para as pessoas que já foram vacinadas.

Principais vantagens do teste de anticorpos

As principais três vantagens do teste de anticorpos são:

  • Alta sensibilidade: cerca de 98,7% em pacientes com 14 dias do início dos sintomas ou mais.

  • Alta especificidade: apresentando cerca de 96,5%.

  • Concordância versus ensaio de neutralização VNT: 100%, quando utilizado a limiar de reatividade de 20% como taxa de inibição para o resultado do teste.

Orientações para quem se vacinou contra a COVID-19

A avaliação de eficácia vacinal é clínica - ou seja, avalia-se clinicamente a proporção de indivíduos vacinados que não desenvolve a doença. A detecção de anticorpos neutralizantes verifica uma parte da resposta imune do indivíduo (a resposta imune humoral ou mediada por anticorpos), mas existem outros mecanismos imunológicos de proteção não avaliados nos testes sorológicos.

Na decisão de realizar a sorologia após a vacinação, o ideal é fazê-lo após pelo menos 14 dias após a segunda dose, lembrando que resultados negativos não necessariamente indicam falha de imunização e resultados positivos não liberam o indivíduos das medidas de proteção recomendadas na pandemia, uma vez que não está estabelecido o correlato de proteção (nível de anticorpos necessário para não se contaminar, não transmitir ou não adoecer).

Informações de agendamento e resultados do exame no Bronstein

O agendamento prévio é necessário apenas se o paciente for sintomático. Se o paciente não apresentar sintomas, poderá realizar o exame sem agendar e por ordem de chegada ao laboratório.

O prazo para o resultado ficar pronto é de 48 horas após a coleta.

Agende seu exame